Voltar

ETAL do Aterro Sanitário de Coimbra

  • CÓDIGO DO PROCESSO

    122.05.ERS

  • DESIGNAÇÃO

    Auditoria ao Funcionamento da Estação de Tratamento de Lixiviados do Aterro Multimunicipal de Resíduos Sólidos Urbanos de Coimbra (Coimbra)

  • DONO DE OBRA

    ERSUC, S.A.

  • CLIENTE

    ERSUC, S.A.

  • LOCAL

    Coimbra

  • ANO

    2005

  • DURAÇÃO DO CONTRATO

    2 Meses

  • PRINCIPAL OBJECTIVO

    Apresentar à ERSUC as principais conclusões obtidas relativamente à análise do funcionamento da ETAL da Cegonheira no período compreendido entre Maio de 2004 e Fevereiro de 2005.

  • DESCRIÇÃO

    A Estação de Tratamento de Lixiviados do Aterro, em Coimbra, é composta pelos seguintes processos:
    Fase líquida
    (1) Equalização;
    (2) Lagoa de homogeneização/Equalização;
    (3) Poço de bombagem inicial;
    (4) Tratamento biológico;
    (5) Vala de oxidação do tipo Carrousel;
    (6) Decantador secundário;
    (7) Tratamento físico-químico;
    (8) Processo de Fenton;
    (9) Decantação de lamas químicas;
    (10) Neutralização.

    Fase sólida
    (1) Espessamento gravítico;
    (2) Desidratação mecânica.

    Na Auditoria analisaram-se aspectos quantitativos e qualitativos dos lixiviados (bruto e tratado) e o modo como a operação foi conduzida pela empresa prestadora de serviços. Foram tecidas diversas considerações relativas à operação com o fito de melhorar e optimizar o funcionamento da ETAL. Por último, avaliaram-se os custos de exploração, ao nível do consumo de reagentes. Este trabalho culminou com dois Relatórios Técnicos onde se patenteavam as soluções preconizadas para o bom funcionamento da instalação de tratamento.